domingo, 8 de fevereiro de 2015

CAVALO DE GUERRA, Michael Morpurgo

Sem dúvida, Cavalo de Guerra é um dos livros mais emocionantes que eu já li!

Ele tem uma peculiaridade que pouco se vê na literatura de guerra, que é a voz narrativa de um animal. 

Sim, a história é contada pelo cavalo, que nos brinda com um olhar diferenciado sobre a humanidade e o mundo, na situação extrema que é uma guerra.

Albert é um jovem, filho de um arrendatário de uma pequena fazenda no interior da Inglaterra, que treina o cavalo que, inicialmente, não tinha nenhum potencial para trabalho na lavoura. Albert o batiza de Zoey, e nasce entre eles uma amizade especial capaz de ultrapassar barreiras e o tempo..

"Não adianta falar com cavalos, Albert - disse a mãe, do lado de fora. - Eles não entendem. São bichos estúpidos. Estúpidos e teimosos, como diz o seu pai, e olha que ele lidou com cavalos a vida inteira."
Para quem não sabe, Cavalo de Guerra conta a história do cavalo Zoey, no contexto da Primeira Guerra mundial, em 1914. Por causa de uma dívida, o pai de Albert precisa vendê-lo.
Zoey descreve, em detalhes, situações desde quando foi vendido no leilão, passando pelas ´rédeas` de variados donos, até sua caminhada (no caso, trote) nas fileiras do Exército inglês.

A linguagem é simples e a narrativa é deliciosa, e a cada capítulo ficamos apreensivos com o que acontecerá com Zoey, um verdadeiro herói.


Em 2012, Steven Spielberg dirigiu o filme baseado nessa linda história de força, determinação e coragem, que garantiu indicação ao Oscar em várias categorias. :)

A guerra leva tudo de todos, mas a amizade verdadeira permanece, a mensagem mais bonita desta obra.

Esta aí uma ótima indicação de livro para jovens de 10 aos 80 anos!! 
Uma aventura única e emocionante em apenas 177 páginas! 

Um beijo bom,
Camilla.

Um comentário:

Niina disse...

Não li ao livro, apenas vi o filme e chorei demaaais!
Muito bom mesmo!

http://vicioseliteratura.blogspot.com.br/

Ocorreu um erro neste gadget